segunda-feira

lote: 108 3.º direito

tocavas três vezes lá em baixo e dizias para
eu descer e que não encostasse as mãos
à parede do poço do elevador. eu ainda gritava
da janela: está bem, mas bem que podias ser tu
a subir. eu abraçava-te, pensava que ias
morrer na manhã seguinte, no sábado ou
numa outra noite qualquer quando partisses
em direcção a outro caminho, talvez lisboa. eu não sabia
como contar-te que quando tocavas três vezes,
a possibilidade de ser maior a distância
entre nós, o teu quintal e as coisas mortas
que lá existiam, tudo isso diminuía. às vezes,
eu ouvia a dona guida a queixar-se: um dia, menina,
ainda cai por essa escada. a menina
era eu e um pouco de terra presa à sola
das botas, eu, e os meus braços de oito anos
a sair com pressa do prédio.

42 comentários:

menina tóxica disse...

coisas mais boas de ler :)

bjinhos*

Criação de Sonhos disse...

Olhavas na janela, os mi�dos que brincavam. Posso ir Tia? Vai filha, tr�-lo para casa. Corrias, todos corriam, o parque n�o era o suficiente.
Botas
Botas
Onde ele est�?
Ali
Ali
A saltar o muro da quinta.

ahahahah
O sorriso do bra�o esfolado,

ahahaha
Sem nunca estar estafado.

;O)


D�s-me sabor � vida!!!

beijo
JLJ

Vanessa disse...

tenho saudades dos meus braços de oito anos que abraçavam sem pensar quem eu tanto esperava à porta de casa. e também eu descia escadas a correr quando o sentia chegar... :)

(as imagens ficarão aqui muito bem empregues, tenho a certeza! :p)

beijinho grande*

ana salomé disse...

fogo, aida....arrepiante.... * * *
perfeito perfeito perfeito

adoro poemas assim - há-os tão pouco..... este sentimento de ser menina.. sem palavras. vou pôr no cicio, tá?

beijo

Andreia Ferreira disse...

Sim, há poucos poemas assim, como este: perfeito :) **

aida monteiro disse...

shuack, shuack, menina tóxica:)*

aida monteiro disse...

a memória(...)e eu corria e ele era um coração que corria ao meu lado. regressávamos a casa e as portas ainda ficavam um bocadinho abertas e como era bom respirar:)

um beijinho, JLJ.

aida monteiro disse...

obrigada, vanessa.

um beijinho muito grande dentro, nesse espaço da memória que conhecemos(...)

aida monteiro disse...

um beijinho muito grande, ana.

estou sem palavrinhas para as tuas.é claro que podes e fico coradinha de alegria. gosto tanto tanto quando vens:)

aida monteiro disse...

um beijinho, andreia.

nem tudo é perfeito. mas é bom, de vez em quando, voltar atrás um bocadinho:)

Flávia Vida disse...

adoro vir aqui e ler as suas palavras, conhecer as suas histórias. adoro ver que visitou o meu Casulo

bato as asinhas de felicidade . . .

:*)

David disse...

muito bonito, aida :)

um abraço com os meus braços momentaneamente de oito anos também

beijinhos

alice disse...

Lindo é o que os teus dedos deixam cair e as minhas mãos agarram. Vou fazer uma conchinha e levar-te para ao pé de mim =*

CNS disse...

Tão imenso este teu abraço...

Um beijo para ti

inBluesY disse...

já aqui tinhas estado no outro dia, fui e voltei, e com esta deve ser por ai a 3º ou 4ª vez, porque nem sempre sabemos bem o que dizer, e não gosto de perturbar.

mas algo comum aconteceu às vezes que já li estas tuas palavras, viajei aos braços da minha doce avó paterna.

obrigada

Queen Frog disse...

e é o q mais guardo da infância...os braços, abraços.

beijinhos.

Graça Pires disse...

A infância na memória... apesar de tudo.
Um beijo.

aida monteiro disse...

sorrisos muitos, flávia.
é bom bater as asinhas e de vez em quando tocar lá no alto.vamos?

um beijinho:)

aida monteiro disse...

muito bonito o abraço que deixaste, david:)

beijinho.

aida monteiro disse...

beijinhos e sorrisos, alice.

lindas são as palavras que deixaste e gostei muito muito desta em especial: conchinha. fez-me mesmo lembrar a dobrinha das mãos, o fundinho que fica e onde, se quisermos, podemos deixar cair devagarinho a água e depois bebê-la fresquinha:)

aida monteiro disse...

e são tantas as formas de abraçar,cns.

gosto de ver-te por cá: trazes janelinhas abertas e consigo ver um bocadinho de azul e de mar:)

um beijinho.

aida monteiro disse...

dois beijinhos, inBluesY.

quando as memórias são doces é muito bom lá voltarmos e ficarmos por ali a abraçar tudo o que aparece em volta, não é?

:)

aida monteiro disse...

então mais um abracinho,queen frog. um daqueles "maiorzinhos" para cada dia da semana:)

aida monteiro disse...

no apesar de tudo, agora, está tudo cheio de nuvens clarinhas, graça. é o amor que tudo transforma, é a história da bola entre as mãos de uma criança.

um beijinho:)

Regina disse...

Sempre que se inventa um código, o de bater três vezes, há alguém a queixar-se, mas com é cair com a memória na infância!...

aida monteiro disse...

um abraço e três beijinhos, regina:)

O mar me encanta completamente... disse...

Que Poetar encantado!
Romântico, suave e deleitante...
Seu cantinho é muito aconchegante e gostoso te ler
Parabéns.
Se me permitir continuarei te lendo.
Meu carinho.

menina limão disse...

Susana Miguel?

lol

daqui António Melancia.

ana c. disse...

sempre tão bonito...

Susana Miguel disse...

obrigada pela visita ao meu cantinho. um abraço, mar.

Susana Miguel disse...

olha, olha a menina catraia que chega e deixa loles:) pois é, é este o meu nome de verdade, com o miguel e tudo:)

Susana Miguel disse...

obrigada, ana c.

o beijinho de sempre:)

isis imeno disse...

Antes de mais, saudações. Depois vou dizer que, primeiro, adorei entrar nesta casa e depois prendi-me às palavras. Este é um blogue bonito. Assim como a música que nos assalta logo de rompante.

Continuação de bons escritos. Acho que vou voltar. :) *

gabriela rocha martins disse...

regresso ao fim de uma semana
difícil

para aqui encontrar
a necessidade de parar

de ficar sentada no chão

ao cimo da escada ou no poço do elevador

e deixar.me ficar

em silêncio

a ouvir a música
a ler.te

e só ficar


um bocadinho mais ... e mais ... e mais

posso?



.
um beijo ,princesa Aïda!

Flávia Vida disse...

...adoro tocar lá no alto e olhar de rabo de olho e ver que "aqui" de cima sou enoooorme diante das coisas "lá" de baixo ...
VAAAMOS ...SÓ SE FOR AGORA. rsrsrsrsrs

que graça é a tua GRAÇA sim Susana Miguel?

na quinta leitura, continuam lindas estas suas palavras...

sorrisos muito encantados
:*)

Texto-Al disse...

mt bom;)

fiz te uma pequena homenagem no blogue do texto-al:)

Tiago

Susana Miguel disse...

um beijinho, isis.

deixa-te ficar mais um bocadinho e volta:)obrigada.

Susana Miguel disse...

também a minha semana foi sempre um uffa-uffa e ainda não acabou..
podes ficar o tempo que quiseres, mas gostava mesmo era que viesses fazer-me uma visitinha:)

um beijinho fresquinho e à sombrinha,princesa.

Susana Miguel disse...

és muito querida flávia.
e lá vamos nós de asinhas a crescer até ao céu e depois podemos descansar um bocadinho e ficar a falar até tarde:)

beijinhos.

Susana Miguel disse...

obrigada, tiago. gostei muito e fiquei assim sem saber o que dizer;)

um abracinho.

isis imeno disse...

Estou a deixar-me.
É bom voltar aqui.

Susana Miguel disse...

beijinho, isis;)