terça-feira

a única vez que a vi ela fazia renda no metro, entre anjos
e alameda, e nem por um minuto deixava de contar as laçadas
as voltas da linha na agulha. e assim passam os anos e esquecemos
as pequenas combustões, a razão de termos dado um início
ou de querermos encontrar os fins e a irregularidade nas coisas.
havia sempre o engenho de um gesto novo assim que parava
a meio, a confirmar a proximidade do seu destino ou quando
no contrário da peça, e verificava-a com atenção, examinava
o esforço: - dez minutos e tivesse eu ainda tempo. a tristeza
a exceder o número de vezes prevista e mais uma vez a reconstrução
de um mundo e há quem diga que sim que as noites são alteráveis
quando descem com habilidade ao coração das mulheres.

20 comentários:

sophiarui disse...

e sempre que me lembro aida... sempre algo de novo cá está... talvez mesmo só no "coração das mulheres as noites seja alteráveis..."

I. disse...

aspiro as palavras que escreves.

:)

Anónimo disse...

lindo!
beijinhos,
andreia

liliana_lourenco disse...

Também há homens com coração de mulher. :)
Mais uma vez, muito bonito e profundo este texto.

Susana, Um Feliz Ano Novo para ti.
Espero que *2010* te presenteie a ti (e a nós através de ti), com textos de ler e reler, com palavras que misturadas com outras nos fazem por vezes suspirar..

Tudo de bom para este novo ano que se avizinha. :)

Beijinhos! :) **

João A. disse...

a vida também se alimenta dos esquecimentos...

dade amorim disse...

Renda de imagens, laçadas, caminhos que se quer deixar para trás - e não houvesse esquecimento, a vida se reduzia à metade.

Um bom ano novo, Susana.

gabriela rocha martins disse...

salvé Princesa!

da saudade à palavra um passo de gigante ou a necessidade de reencontrar a alegria dos Amigos


( se não de outro modo ,ao menos na escrita )

um ano novo cheio do melhor e de imensa criatividade


.
um beijo
( princezinha Aïda )

M. disse...

as noites são alteráveis
quando descem com habilidade ao coração das mulheres

quando te leio fico sempre com alguma coisa que dura mais do que julgo.

bom ano*

blue disse...

uma visão que se repetirá por tantos outros lugares, pelas mãos de tantas outras mulheres.

Bom Ano, Susana.

Susana Miguel disse...

talvez (...) e ainda bem, sophia;)

um beijinho.

Susana Miguel disse...

um beijinho, I.
também gosto muito de ir lá ao outro lado tão teu. volta sempre e traz sorrisos:)

Susana Miguel disse...

obrigada, andreia:)
um beijinho muito grande.

Susana Miguel disse...

liliana, para ti vou desenhar e recortar um coração, um coração cheio de ventinho suave, para que quando cá venhas ele te sopre devagarinho a mesma alegria de quando te vê chegar:)

muitos beijinhos e um Ano Feliz!

Susana Miguel disse...

sim, também. mesmo assim
prefiro pensar que a vida se alimenta mais de reconstruções:)

Susana Miguel disse...

um Bom Ano Novo, dade amorim.
e que se esqueça muito para depois:sempre algo mais para contar;)


um beijinho.

Susana Miguel disse...

princesa, gabriela;)

tinha saudades, muitas saudades, muitas saudades(as outras coisas já a minha princesa sabe e mando um beijinho grande)

Susana Miguel disse...

um beijinho e um Bom Ano, M.

espero que isso de que falas alguma coisa que dura mais do que julgo, seja algo de bom e que nos aproxime (como todas as coisas boas).

:)

Susana Miguel disse...

é verdade, blue.

um beijinho e um Bom Ano.

Anónimo disse...

Já venho tarde, mas deixo aqui o meu desejo: Um Ano Feliz! Não pares de escrever:)


Sofia.

Susana Miguel disse...

Sim!Um beijinho muito grande e para ti também tudo de bom:)